Breve guia sobre hidroplanagem

Tempo de leitura: 2 minutos

A hidroplanagem nada mais é que uma fina película de água que se forma entre o pneu da aeronave e o pavimento, podendo causar, dependendo das circunstâncias, a perda de controle da aeronave, diminuição na capacidade de frenagem e/ou excursão de pista.

A decolagem ou o pouso em pista contaminada, como é chamada quando existe a presença de água, neve, gelo etc. é permitido e seguro caso realizado dentro dos padrões admissíveis.

Abaixo listamos algumas recomendações para melhor administrar essa situação:

  • Solicite ao órgão ATS as condições da pista e fique atento ao relato das aeronaves operando no mesmo local
  • Mantenha os pneus inflados corretamente
  • Evite ao máximo pousar com chuva forte, muitos acidentes onde ocorreram excursão de pista tiveram como um dos principais fatores contribuintes essa condição
  • Realize uma aproximação estabilizada, tocando firme na área de toque com velocidade adequada, não hesite em arremeter caso toque muito para frente
  • Utilize bastante os freios aerodinâmicos
  • Mantenha, com cautela, a aeronave um pouco cabrada para aumentar o peso no trem principal e assim melhorar a capacidade de frenagem das rodas
  • Analise as condições da pista, se cumpre os requisitos para operação com pista contaminada
  • Considere alternar caso as condições meteorológicas não estejam favoráveis
  • Tome cuidado com frenagem excessiva para evitar o travamento das rodas em aeronaves não equipadas com ABS, caso as rodas travem, libere os freios, deixe as rodas voltarem a girar e comece a frear cautelosamente para evitar que travem novamente

É importante ressaltar que essas informações são GENÉRICAS, com o intuito de informar brevemente sobre essa ocorrência. Lembre-se sempre de consultar o manual da aeronave que voa.

Material para estudo

https://en.wikipedia.org/wiki/Atlantic_Airways_Flight_670

Clique para acessar o alerta_de_Voo_062017.pdf